NÓS SOMOS MUITO PARECIDOS…

Postado por | · · · · · · · · · · · · | Sem categoria | Comentários desativados em NÓS SOMOS MUITO PARECIDOS…

Vou te contar uma história, vou resumi-la, e muito.

 

Eu nasci em Londrina no ano de 1974, minha mãe teve depressão pós-parto, logo que nasci fiquei muito doente, ainda bebe, fiz um tratamento que durou quase um ano, não tive a presença do meu pai, fui criado pelos meus avós, comecei a trabalhar muito cedo,fui engraxate, vendi coxinhas, depois, todos os outros salgados, bonecas, pães caseiros.

 

Sempre morei em cidades pequenas, estudei em colégios estaduais, morei em uma cidade chamada Marcelândia no MT, meus avós montaram uma fábrica de salgados, eu fazia todas as entregas, vendia geladinhos e peixes vivos que eu mesmo pescava, nessa época furava fossas e capinava datas, lotes e terrenos, nunca fui preguiçoso e isso sempre me ajudou.

 

Voltamos para o Paraná, morei no sitio, trabalhei em uma roça de café, o trabalho mais difícil de toda a minha vida, serviço duro, no sitio não existe feriado, e sim trabalho o tempo todo sem fim. Nessa época estudava em um colégio estadual na cidade de Tuneiras do Oeste.

 

Após quatro anos, mudei para Maringá no PR, fui prestador de serviço na Caixa Econômica Federal, vendi filtros de água, celulares, roupas, trabalhei em imobiliária, fui o vendedor mais jovem da Coca-Cola, vendi roupas, meu primeiro trabalho como gerente foi em uma Loja de produtos importados em um Shopping, vendi carros nacionais, consórcios, e fui gerente de uma concessionária Mercedes-Benz.

 

Claro que muitas coisas aconteceram juntamente com isso, trabalhei em diversos lugares, mas sempre soube que independente do que eu fizesse o capricho e a excelência deveriam me acompanhar, afinal eu estava construindo minha história, eu sabia que em todo lugar eu deveria entrar pela porta da frente e também sair pela porta da frente, porque não conhecemos o amanhã e sendo assim isso passa a ser uma estratégia muito inteligente.

 

Em alguns momentos as coisas foram muito difíceis, porque na maioria das vezes o mundo não funciona exatamente como gostaríamos e eu acredito ter desenvolvido uma habilidade muito grande em lidar com o adverso, tirar o melhor dele e com todas as minhas forças, tentar transformá-lo naquilo que eu desejava. Uma habilidade que sou grato a Deus por ela.

 

Nunca me senti mais bonito, nem mais forte, mais inteligente, mas descobri cedo que um dos segredos do sucesso é perseverar, incansavelmente, tudo é uma questão de muito esforço e dedicação, aqueles que conseguem manter isso colhem os frutos almejados, e aprendi também que o tempo das conquistas é diferente para cada pessoa. Não é porque alguém conseguiu com um ano que isso se repetirá com você, talvez você consiga em seis meses ou demore dois ou três anos.

 

Aprendi a lidar com a inveja em todos os formatos, aprendi que algumas pessoas não gostam de nós, simplesmente porque sorrimos na dificuldade, acordamos bem humorados, fazer mais do que precisa ser feito então, isso incomoda muita gente, a facilidade de fazer amigos e lidar com situações desafiadoras desperta em muitos um sentimento difícil de expressar. Eu já ouvi em um ataque de sinceridade. – Não gosto de você porque você faz coisas que eu não tenho coragem de fazer. Uau!

 

Nunca deixei isso me parar. Existem sim pessoas muito ruins. De cada 100 pessoas existem 4 psicopatas, o mundo não é azul bebê nem rosa, o mundo em alguns momentos é duro e injusto e aprendermos a lidar com isso criará em nós uma blindagem muito necessária, que nos ajudará a transformar impacto em impulso. E sempre repito, os bons são maioria.

 

Eu casei, veio o primeiro filho, o casamento mudou minha vida completamente, para melhor, descobri logo, que quanto melhor eu tratava minha esposa, melhor ela me tratava, descobri que todo esforço para fazer ela feliz era devolvido com o mesmo esforço por parte dela, mais dois filhos vieram e nos tornamos uma família grande. E confesso que não é fácil, mas eu amo tudo isso.

 

Sempre estudei e sabia da importância do estudo para alcançar meus objetivos mais ousados, me formei em Direito, fiz uma pós-graduação em vendas, depois uma pós-graduação em Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas, centenas de cursos, que eu sempre acreditei que me deixariam melhor, adquiri o hábito da leitura que na minha opinião é mais um dos passos para o sucesso.

 

Foram anos de vendas, mas dentro de mim existia um sonho, um sonho do menino abandonado pela mãe com depressão, um sonho do vendedor de coxinhas, o sonho do menino que quando criança sonhou com uma bicicleta que não ganhou, o menino que um dia ouviu de uma psicologa que ele era um milagre devido a tantas coisas erradas que já tinham acontecido com ele e apesar de tudo ele alcançou o sucesso. (Ministro uma palestra onde explico o que é sucesso e ele varia muito de pessoa para pessoa), o sucesso na minha opinião está em muitas coisas simples que muitos não conseguem enxergar, infelizmente.

 

Eu queria ajudar outras pessoas, mostrar para elas que elas podem, que elas conseguem, basta não desistir e lutar muito, aguentar as vezes muita dor, lidar com as rejeições do dia a dia, lidar com toda incredulidade por parte das pessoas, muitas vezes as mais próximas de nós. As pedradas da vida doem porque as pedras são atiradas por pessoas que estão muito perto de nós. Digo sempre, só levam pedradas, árvores que dão frutos.

 

E um dia eu sonhei com o Robson Dutra palestrante, um cara simples que iria ajudar as outras pessoas a melhorarem, uma atualização após a outra, sempre ajudando a encontrar sua nova versão, corrigindo falhas no sistema, hehe, mas eu seria diferente, prometi a Deus e devo tudo a Ele, que eu não perderia a simplicidade, a minha essência, que faria isso pelas pessoas, que seria o palestrante mais acessível do Brasil e até fora dele.

 

Trabalhava durante o dia, ministrava cursos durante a noite, foram dezenas de finais de semana ensinando, compartilhando, fui adquirindo experiencias, ficou claro que existia sim um dom e um propósito Divino, não parei, cada vez fui sendo mais requisitado, ministrei aulas para graduação, pós-graduações, ensino a distância, e palestras, muitas palestras, recentemente ministrei uma palestra que alcançou 50.000 pessoas. Isso é muito bacana! Impactar, incentivar princípios e valores, mostrar o norte e técnicas para alcançá-lo.

 

Mas estava trabalhando demais, comendo de forma errada, dormindo pouco, viajando muito, sedentário, ficando pouco com aqueles que eu mais amava. O corpo começou a adoecer, excesso de peso, dores no estômago, gastrite, refluxo, colesterol, ferro no sangue, dores de cabeça, e o corpo continuou sinalizando. E eu ignorando, até que um dia depois dele (o corpo) avisar muito e eu ignorá-lo veio o golpe fatal. A Síndrome do Panico. O quê? Como? Alguém como eu, tão “equilibrado”! Na verdade eu pensava ser, eu estava totalmente equivocado. E sendo assim passei pela luta mais dura da minha vida, trouxe um pedaço do inferno para cá e morei nele por um bom tempo. Foi a luta mais dura e cruel da minha vida.

 

Precisei refazer minha vida, mudar hábitos, corrigir erros, entender que sou frágil, não sou perfeito e nunca conseguirei agradar todas as pessoas. Foram meses de luta, sem jogar um remédio para dentro do corpo, eu queria atacar a causa e não a consequência do meu problema. Eu venci, não sozinho, pela graça de Deus e com o apoio da minha esposa no momento.

 

Hoje sou um outro Robson, melhor, mais equilibrado e cuidadoso, avaliando tudo, o tempo todo com cuidado, não sou uma maquina, preciso de descanso, de comida saudável, de exercícios físicos, de carinho, amor, contato com meus filhos, meus amigos, preciso de trabalho equilibrado. E minha missão aumentou porque preciso ajudar outras pessoas a passarem por isso ou quem sabe evitar que elas passem por isso.

 

Amanhã às 20 horas vou realizar a palestra Equilíbrio, online e gratuita, durará uma hora e acredite. Pode impactar sua vida para sempre. Depois eu ficarei com as pessoas que queiram interagir comigo, mais uma hora e meia respondendo as perguntas. Você é meu convidado.

 

CLIQUE AQUI PARA PARTICIPAR DA PALESTRA.

 

www.robsondutra.com.br/equilibrio

 

Um grande abraço, fique com Deus, saúde, muito sucesso e até amanhã.

 

ROBSON DUTRA

Share on Facebook3Tweet about this on TwitterPin on Pinterest0Share on Google+0Share on LinkedIn0Email this to someone

Comentários

comentários